Escolas visitam espaço Planeta Energia da Light

A energia elétrica é, sem dúvida, a alma da vida moderna. Conhecer a história e saber como é produzida hoje essa ilustre protagonista do nosso dia a dia deveria ser uma obrigação. Porém, ao apertar um interruptor em casa ou no trabalho, nem nos damos conta do complexo processo de geração e distribuição de energia que acabamos de acionar.

Pensando nisso, a Lightger, responsável pela construção da PCH Paracambi, abriu as portas do Planeta Energia, dia 25 de maio de 2010, para 30 alunos e 15 professores de sete escolas das redes municipais de Paracambi, Piraí e Itaguaí, no entorno do empreendimento. No espaço, que fica dentro do Centro Cultural da Light, no Rio de Janeiro, maquetes ajudam a contar a história da eletricidade, além de retratar a produção da energia numa hidrelétrica e a distribuição até as residências.

A visita ao Planeta Energia no Centro Cultural da Light foi a segunda etapa de um projeto em parceria com essas sete escolas. Em 2008, cerca de 1.500 alunos participaram do concurso promovido pela Light, para o qual foram feitos desenhos, frases e redações com o tema energia. Os 15 vencedores ganharam, na ocasião, bicicletas e, durante a visita do dia 25 de maio, puderam ver seus trabalhos expostos no Centro Cultural.

Além dos vencedores do concurso, cada escola pôde levar mais dois alunos. “A PCH Paracambi está de parabéns pela iniciativa. É sempre importante para nossos alunos terem oportunidade de visitas a centros culturais como o Planeta Energia da Light”, afirmou a subsecretária pedagógica da Secretaria de Educação de Paracambi, Márcia Oliveira, que acompanhou os alunos na visita.

Frases dos alunos sobre visita ao museu da Light:

“O que achei mais bacana foi a maquete que mostra o consumo de cada aparelho numa casa. O chuveiro elétrico consome muito!”

Adones Souza Meireles, 10 anos, Escola Municipal Ponte Coberta (Paracambi).

“Gostei da maquete que mostrou a transmissão de energia para as casas. Pensei na energia chegando na minha casa”

Thaíssa Dornella Oliveira, 7 anos, Escola Municipal da Floresta (Paracambi).

“O que mais gostei foi da réplica do bonde elétrico de antigamente. Pena que não existem mais bondes elétricos para a gente andar nas cidades”

Mauro da Fonseca, 11 anos, Escola Municipal Aureliano Gonçalves Barbosa (Piraí)

“Queria trazer meus irmãos para eles aprenderem tudo isso também, foi muito legal”

Waldemar Sabará, 9 anos, Escola Municipal Coroado (Paracambi)

“É muito maneiro o Planeta Energia, a gente aprende e parece que está brincando”

Natã Vitor Silveira, 11 anos, Escola Municipal Hortência Phirro do Valle (Paracambi)

“Aprendi que a energia é muito boa pra gente”

Matheus da Fonseca Santos, 9 anos, Escola Municipalizada Taciano Basílio (Itaguaí)

“Foi muito bom”

Alzira Cristina da Cunha, 6 anos, Escola Municipal Dariele Cristine Teixeira de Oliveira (Paracambi).

Alunos e professores no Centro Cultural Light
Educacao-Escolas-visitam--espaco-Planeta-Energia-da-Light-II-(2)
Alunos observam maquete no Planeta Energia
Educacao-Escolas-visitam-espaco-energia-da-Lighrt
Alunos no Planeta Energia